sábado, 18 de fevereiro de 2017

Especial: Em Granite Falls, com: Marlon, Nelly, Flora e Thomas.

Antes de começar o especial, quero deixar umas observações para vocês: Primeiro, eu quase não jogo o the sims 4, então eu não tenho um mísero mod e muito menos manjo das coisas tudo!! uhauahuaha; Segundo: Eu sei que tem alguns erros, como essas bolinhas em cima das cabeças deles, mas não sei tirar :( Então me perdoem, peguem leve comigo, eu realmente não sei mexer direito no TS4!! UHAUAHUAH
Enfim, é só isso. Beijos, bom especial para vocês. :) 


 Viajando para o Quarto Império, lá estavam: Flora, Nelly, Thomas, Marlon e Mabel Josephine, a filha do recém-casal. Eles foram para lá para curtir um pouco Granite Falls, o lugar que eles tanto ouviram falar. Infelizmente Patrick não pode ir junto, pois preferiu ficar ajudando Marlene e Márcio em sua loja. 

Nelly: Má, que tal alugarmos uma casinha, antes de irmos para Granite Falls? 
Marlon: É uma boa idéia, pelo menos teremos onde deixar a grande maioria de nossas malas. 

Na casa alugada. 
As crianças brincavam com a casinha de bonecas, enquanto seus pais arrumavam as malas e pegavam somente o necessário para passar o fim de semana em Granite Falls. 

Em Granite Falls. 
Nelly: Finalmente chegamos. Por onde começamos? 
Marlon: Nem sei, aqui é bem fresco e legal. 
Flora: O mais longe possível dos mosquitos, argh! - Dizia, enquanto colocava seu óculos de sol. 
Mabel J. estava encantada com o lugar, mas sentia falta de alguém. 

 Então Nelly a pegava no colo. 
Nelly: Má, você viu o Thomas? Em? Desde que chegamos na nossa cabana, não o achei mais. - Dizia com um certo tom de preocupação.
Flora: Será que ele ficou lá perto daquela estátua que a gente deu de cara? - Sugeriu. 
Marlon: Onde ele foi parar?! - Também dizia preocupado. 

Nelly dava Mabel J. no colo de Flora, enquanto tentava decidir com Marlon por onde começariam a busca de Thomas. 
Nelly: Segure a Josephine um pouquinho, Flor!
Flora: Claro, tia! - E a segurava. 
Marlon: É Mabel, querida! - A corrigia. 
Nelly: Já decidimos isso em casa, Má! E é por esse mesmo motivo que ela tem nome composto! - Franzia as sobrancelhas, enquanto dizia. 
Marlon: Argh, tá bem! - E fazia biquinho. 
Flora: Aí, vocês. - E suspirava, pois lembrava de Alexandre. - Vamos focar no Thominhas agora. 
Nelly: É verdade, será que tem algum guarda florestal aqui?! 

Enquanto isso... 
Urso misterioso: Grrr, grrrr, eu sou um urso! 

E então saia correndo. 

Do lado de fora da cabana. 
Nelly: Seu guarda, o senhor viu um garotinho de cabelo bem preto, branquelinho dos olhos azuis?!  
Guarda: Não me recordo de ninguém com essa aparência, senhorita. Mas eu ví um urso pequeno, correndo por aí!  
Nelly: Aí meu Deus! - Disse preocupada- Será que esse garoto tá assustando meu filho?! 
Guarda: Eu não sei, mas vamos verificar.  
Nelly: Muito obrigada, e eu vou atrás do meu filho, também. 
 
 Nelly: Má, você cuida da Josephine enquanto eu e a Flora saímos em busca do Thominhas? 
Marlon: Claro, amor. - E pegou Mabel J. no colo. - Vem com o papai, Mabelzinha. Vou aproveitar e dar um banho nela, ela se rolou toda na areia. 
Flora: Então vamos, tia! - Dizia, se preparando. 
Nelly: Ai, Má, você é muito preocupado, criança tem que se sujar toda. 
Marlon: Mas e se ela ficar doentinha? - Dizia preocupado. 
Nelly: Amor! - Dizia suspirando. 
 
 Urso Misterioso: Aí, cansei... 
 
Flora: Tia, eu vou indo! Qualquer coisa eu tô perto das trilhas! 
Nelly: Certo, querida! Eu vou falar um pouco mais com o guarda. 
Flora: Tudo bem! 
Nelly: Qualquer coisa, se você achar ou ver meu filho, você me avisa. Tudo bem? Meu marido vai ficar aqui na cabana, só vir aqui.
Guarda: Tudo bem. 

 Enquanto isso, Marlon dava banho na sua filha. 

  Flora ia em direção as trilhas. 
 
 E Nelly saia sem rumo, na esperança de trombar com seu filho, pela floresta. 

 Até que Flora tromba com o tal urso que o guarda avisou. 
Flora: Você, hmm.. Viu meu irmão? - Perguntou um pouco desconfiada do urso. 

 Urso misterioso: Seu irmão? Grrr... Acho que não... Grrr... - Seu tom de voz alterava um pouco, conforme ele soltava "grrr". 

 Flora: Poxa, que pena... - E fazia um bico. - Pensei que ele estava por aqui. 

 Até que se aproximou uma moça chamada Katrina, a confundindo com uma tutora, e pedindo informações, assim, dando chance para o pequeno urso sair correndo. 
Flora: Senhora, me desculpe, mas eu não sou tutora nenhuma, eu só estou atrás do meu irmão. 
Katrina: Ah, que pena. 
Flora: Mas qualquer coisa, se você achar um branquelinho dos olhos azuis e de cabelos pretos, leve-o até aquela cabana. - E apontou. 
Katrina: Ah tá, pode deixar. - Dizia desinteressada. 
 
Nelly: THOMAAASSS, FILHOOOO! CADÊ VOCÊ?! - Berrava, enquanto olhava para os lados. 

Ao virar para trás, Flora o via, e começava à correr, deixando Katrina falando sozinha. 
Flora: THOMASSS! VOLTA AQUI! - E parecia que ele não ouvia, porém estava cabisbaixo. 
 
 Já Nelly, decidiu procurar por outro canto. 

 Já Marlon, se divertia brincando com Mabel J., na cabana, porém, estava muito preocupado aonde Thomas poderia estar.

 Marlon: Já que temos que ficar aqui, por causa de qualquer notícia do seu irmão, que tal pescarmos a janta, Mabelzinha? 
Mabel J.: Janta! Janta! - Tudo que ela dizia, era de forma empolgada e sorridente, pois ela não entendia o que estava acontecendo. 
 
 Nelly ainda continuava na busca, porém, se cruzava com Flora. 
Flora: Tia! Eu vi o Thomas de longe, mas ele sumiu de vista! - Dizia ofegante. 
Nelly: Sério?! Então vamos nos separar de novo e procura-lo! Você tem idéia para onde ele foi? 
Flora: Nenhuma! 
Nelly: Então esse é o plano! - Confirmava o que tinha dito antes. 

 Thomas: Senhora guarda, senhora guarda! - E se aproximava dela. 
Guarda: Sim, baixinho? 
Thomas: Então, eu ia pregar uma peça na minha família, vestido de urso, mas eu me perdi deles! - Explicava a situação, num tom triste. - Você me pode me ajudar à acha-los? 
Guarda: Você sabe em que cabana eles estão?! 
Thomas: Não! E justamente por isso, eu não tô os achando.  - E seus olhos se enchiam de lágrimas. 

Marlon estava extremamente preocupado sobre onde Thomas poderia estar, era difícil não deixar transparecer para a pequena Mabel J., porém ele sabia que deveria ficar lá para receber qualquer novidade de onde seu enteado estaria. 
 
E Mabel J., percebendo isso, o abraçou apertado, ela ainda não falava muito, mas seu abraçado já era algo como: "Vai ficar tudo bem, papai." 

Guarda: Não precisa chorar, garoto. - E o abraçava. - Nossa missão é ajudar quem se perde! 
Thomas: Ah, muito obrigado! - Se sentia um pouco aliviado. 
 
Nelly, pensava: Onde meu filho deve ter se metido? Se eu fosse o Thomas, onde eu estaria, uma hora dessas? - E continuava sua busca incansável.

 Para passar o tempo, Marlon pescava com sua pequena filha ao lado, o peixe que seria a janta deles. E nesse mesmo instante, Nelly vinha em encontro a eles.

 Pois, Thomas vinha também, ela o abraçava apertado, aliviada de ter o achado. 
Nelly: Filho, nunca mais faça isso! 
Thomas: Me perdoa, mamãe! Eu só queria pregar uma peça em vocês! 
Nelly: É tão bom te ver de novo! 
Thomas: Também é bom te ver, mamãe! 

 Marlon também vinha, todo contente com a volta do enteado, e o abraçava apertado, também. 
Marlon: Filho! Que bom que você está bem! Não some mais de perto da gente! 
Thomas: Jamais, papai! Eu aprendi a lição! 

Então Thomas explicava toda a situação, e todos os lugares que ele andou procurando por eles e como os achou. 

 Os dois, Marlon e Thomas decidiram ir juntos comprar suco, para comerem com o peixe que Marlon havia pescado. 

E Nelly ficou brincando com Mabel J., enquanto isso.

 Mais tarde, todos comiam salada com peixe, preparada por Flora, e ela e Nelly comiam na mesa que tinha na sala. A cabana que alugaram era muito pequena. 
 
 Já Marlon e Thomas, comiam no quarto e conversavam sobre os desenhos que Thomas assistia. 
E a pequena Mabel J. comia no sofá da sala, saboreando muito bem a comida. 

No fim do dia, eles se divertiam na cabana, com muita conversa e jogos, e ao fundo, Mabel J. pegava no sono. 

FIM. 

 



 
 




 

 

2 comentários:

  1. Caramba, amei demaaaaaaaaais vê-los no Quarto Império!!! \o/ :D E a pequena Mabel Josephine é a cara do Marlon! Muito lindinhaaaaaaa, meudeuzu!!! \o/ E ainda bem que tudo terminou bem e Thomas foi encontrado! Amei demais esse especial!!! Parabéns, Deni! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tava a tempos planejando esse especial!!!! :D uahauahauaha E é mesmo! Nelly não teve sorte de ter nenhum filho que é a carinha dela! Uahauahauaha Mas ela é uma fofurinha 💞
      Ainda bem mesmo! Thomas tá na fase de aprontar! :P
      E muito obrigada ❤😍

      Excluir